Várias novidades: Xiaomi anuncia o Mi Max, smartphone de 6,44”, e revela o MIUI 8 na China - Tecno Explore

Novidades

Home Top Ad

Post Top Ad

Microsoft

10 de maio de 2016

Várias novidades: Xiaomi anuncia o Mi Max, smartphone de 6,44”, e revela o MIUI 8 na China


A Xiaomi anunciou hoje (10, na China o maior smartphone de todo o seu portifólio, o Mi Max e também apresentou foi demonstrada a nova versão da sua UI, a MIUI 8, que traz algumas novidades para os aparelhos da empresa.

Antes de revelar o novo aparelho e a nova UI, o fundador da Xiaomi e CEO Lei Jun, informou que a MIUI já ultrapassou a marca de 200 milhões de usuários no mundo e que em março de 2016, foram realizados mais de 40 bilhões de downloads de aplicativos da Mi App Store, pré-instalada em todos os aparelhos da Xiaomi vendidos na Choina, um aumento de 16 vezes em relação aos 2,5 bilhões de downloads em 2014.

Mi Max, o novo grandão da família
O grande destaque do anúncio ficou por conta do novo smartphone da Xiaomi, o Mi Max. Contando com uma tela de 6,44" polegadas e com a tecnologia Sunlight Display, que permite cores precisas mesmo em ambientes iluminados, o aparelho também tem uma bateria podersosa de 4850mAh. Segundo a empresa, o smartphone, com base em testes internos aguenta até 14 horas de streaming de vídeo (via Wi-fi) em uma única carga.

O Mi Max conta com um corpo de metal integrado com cantos leves curvos. O aparelho é bem fino: mede apenas 7,5 mm de espessura. e também é bem leve: pesa apenas 203g.

O smartphone conta com o Snapdragon 650 ou 652, com seis ou oito núcleos Cortex A72 ou A53. A placa gráfica é a A510.

Principais configurações:
• Processador Qualcomm Snapdragon 652/650
• GPU Adreno 510
• Tela Full HD de 6,44 polegadas
• Até 4GB de RAM + 128GB de armazenamento (suporte a microSD de até 128GB)
• Câmera de 16 MP com PDAF
• Sensor de impressões digitais

Opções de armazenamento: O Mi Max estará disponível em até três opções de armazenamento - 32GB, 64GB e 128GB. 

Preço: A versão com Snapdragon 650, 3GB de Ram e 32GB de armazenamento, estará disponível por US$229 (R$796). Já a versão com Snapdragon 652, 3GB de Ram e 64GB de armazenamento será vendida por US$260 (R$904) e a de 4GB de Ram e 128GB de armazenamento, por US$306 (R$1064).

OBS: Os valores em real foram convertidos levando apenas em consideração a cotação do dólar a R$3,49. Nenhum tipo de taxa foi aplicado ao valor.

Disponibilidade: O Mi Max estará disponível na China a partir do dia 17 de maio através dos canais online, incluindo o Mi.com e nas Mi Homes chinesas.

Fonte: Android Central
Novidades com a MIUI 8
Baseado no sistema operacional Android, a MIUI 8, trouxe algumas mudanças no visual bem interessantes. Inspirado em um caleidoscópio, o MIUI 8, apresenta um design reformulado que pde ser visto em cores fortes, animações interativas e fontes do sistema, incluindo a criada pela Xiaomi, Mi Lanting.

Nas funções, ela traz a opção de duplicar aplicativos e gerenciar várias contas no mesmo telefone. Com ela, os usuários podem ter duas versões de um mesmo aplicativo de mensagens em um único aparelho, cada uma corresponde a uma conta. Com o MIUI 8, os usuários também podem dividir seus smartphones em duas contas. Ou seja, o usuário poderá usar uma senha ou impressão digital diferente para acessar uma tela inicial totalmente diferente, com aplicativos e dados independentes. Caso queira, o usuário pode mesclar dados entre as contas, como Contatos e Histórico de Chamadas.


Para os que gostam de tirar capturas de tela longas, a nova versão da UI facilita o processo. O aplicativo Calculadora também foi melhorado, trazendo funções mais avançadas como empréstimo bancário e de cálculo de juros de hipotecas.

Novidades também na galeria. Agora você pode deslizar para cima para compartilhar e mudar filtros com um toque. Os usuários agora podem desenhar em fotos, adicionar stickers e fazer uso de ferramentas de edição de vídeo melhoradas com vários efeitos e músicas nativos.

Agora, no própria sistema, a MIUI 8 permite a digitalização de documentos e a transformação deles em imagens, digitalizar cartões de visitas e adicioná-los aos seus Contados, fotografar objetos, encontrar e comprar itens semelhantes no e-commerce chinês Taobao e perguntas de matemática para obter o passo-a-passo das soluções.

Por enquanto a MIUI 8 ainda não está disponível. A fase de testes começa no dia 1º de Junho, enquanto a ROM de desenvolvedor será lançada no dia 17 de junho, com suporta para MI 2/2S/3/4C/4S/5/Max, toda a linha Redmi Note e Redmi e a linha Mi Note.


Considerações finais
As novidades apresentadas pela Xiaomi hoje são interessantes. Apesar de não ter apresentado nenhum recurso que realmente mereça destaque, a empresa continua com o que trouxe fama e reconhecimento: preço baixo e qualidade.

O ponto negativo fica por conta da demora no lançamento de novos aparelhos no Brasil. Desde a chegada da empresa na metade do ano passado, poucos foram os lançamento da empresa, basicamente limitaram-se a lançar os mais simples e deixaram os tops de linha de fora.

Talvez seja toda essa demora em novos lançamentos que tenha dado força aos rumores de que a chinesa sairia do Brasil. Fico satisfeito que eles tenha sido desmentidos, a Xiaomi ainda tem muitos produtos interessantes para lançar por aqui.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Xiaomi Brasil