Sem muitas novidades: considerações sobre o Galaxy S7 e Galaxy S7 Edge - Tecno Explore

Novidades

Home Top Ad

Post Top Ad

Microsoft

21 de fevereiro de 2016

Sem muitas novidades: considerações sobre o Galaxy S7 e Galaxy S7 Edge

Com uma apresentação grandiosa a Samsung apresentou os seus novos tops de linha o Galaxy S7 e S7 Edge. O grande destaque dessa conferência foi a presença forte do Gear Vear, tanto que em algumas partes puderam ser vistas pelos jornalistas presentes usando o dispositivo.

Quando "a caixa de abriu" no telão e revelou o Galaxy S7 e S7 Edge primeiro pudemos notar poucas diferenças em relação ao design. Além disso pudemos notar que a Samsung fez questão de relembrar o passado mostrando a diferença que a empresa fez e faz no mundo da tecnologia.

A empresa prometeu dar o próximo passado hoje, mas será que ela conseguiu?

Diminuindo o desnecessário

Uma das maiores reclamações de muitos usuários do Galaxy S6 foi a protuberância na câmera do aparelho. Apesar do smartphone ser um dos mais finos disponível no mercado o volume causado pela câmera fazia com que o aparelho não conseguisse ficar totalmente deitado.

Bom, a Samsung cortou pela metade esse volume. Nos testes veremos se a diminuição desse 'caroço' fará diferença no dia a dia.

Design

Apesar da declaração dada pelo CEO da Samsung Eletronics Dong-Jin Oh de que este é o design mais bonito em um smartphone, essa não é uma verdade universal já que cabe a você dizer se o design do aparelho de agrada ou não.

Mas, indo para os termos técnicos, os cantos estão arredondados, o que provavelmente, irá proporcionar um maior conforto quando o S7 for utilizado.

Vale ressaltar que o aparelho será a prova d'água e poderá ficar submerso durante 30 minutos em até 1 metro de profundidade já que possui a certificação IP 68.


Funções em destaque

Antes de começar a falar das funções destacadas do aparelho, tenho que deixar um recado: fiquei chocado e, por vezes, assustado com a semelhança de ideias entre a Samsung e a LG. A apresentação da Samsung durou uma hora e, em boa parte dela, o que vimos foi praticamente um replay do já havia sido mostrado pela LG. Teria sido isso uma coincidência? A resposta dessa pergunta fica ao seu critério.

  • Always On

Voltando as funções do S7 temos o Always On Dispay que se assemelha muito ao Always On anunciado pela LG em sua conferência. Com ela, você pode conferir as notificações no seu smartphone, sempre, o que, como a concorrente sul-coreana havia destacado, vai economizar muita energia. A grande diferença fica por conta da tecnologia da Samsung ser personalizável podendo ser adicionados desenhos ou até mesmo imagens simples.

  • Quick Access to Content 
Quick Acess to Content que tem com objetivo te mostrar um atalho ou até mesmo notícias apenas com o deslizar dos dedos no canto da dela. Vale ressaltar que essa função só estará disponível no Galaxy S7 Edge.


Câmera
Foi relembrando o passado que a Samsung anunciou as novidades da câmera dos seus tops de linha. A empresa lembrou aos espectadores que foi a primeira empresa a lançar um celular com câmera e que iria continuar inovando no segmento assim como fez na primeira vez.

Uma das partes curiosas da conferência foram as diversas comparações que a Samsung fez com o iPhone 6s Plus.


  • Dual Pixel
De todas as tecnologias apresentadas a mais destacada foi a Dual Pixel que nada mais é do que o sensor de imagem com dois fotodiodos ao invés de um. Isso faz com que o sensor tenha um foco tão rápido quanto o olho humano.

Segundo a empresa, esta tecnologia faz com que o Galaxy S7 consiga fotos até 30% melhores que as tiradas com o iPhone 6s Plus. Uma boa diferença, não é mesmo?


  • Motion Paronama
Com a tecnologia Motion Paronama você pode tirar fotos panorâmicas com movimento. Além disso, você ainda pode focar em um momento que você mais gostou da foto e vê-lo individualmente. Bem legal mesmo.

Processador

Como já é tradição nas conferências, a Samsung destacou o poder de processamento dos novos smartphones da empresa. Assim como faz a Apple a Samsung mostrou que, desde o primeiro Galaxy S o poder de processamento melhorou em 63%.

Bateria
Um dos pontos mais polêmicos em todo smartphone é a bateria. Afinal, não faz muita diferença encher o aparelho de novas funções e melhorar o hardware se a bateria não acompanha isso.

O Galaxy S7 possui 3000 mhA já o seu irmão com bordas possui 3700 mhA. Um excelente upgrade.


Jogos
3 GB de memória Ram, processadores de vários núcleos. Já não é novidade para ninguém que os tops de linha atuais conseguem rodar qualquer app ou jogo das suas respectivas lojas. Mas, então, qual é o objetivo de deixar os aparelhos cada vez mais poderosos.

A Samsung resolveu colocar um objetivo em tudo isso. Com a Sua parceria com a Epic Games a empresa irá disponibilizar jogos que consomem todo o poder de processamento dos smartphones e mais: rodar jogos que possuem a mesma qualidade gráfica que é vista nos PCs. Bem ousado.

Além disso temos o Game Tools que é uma tela com funções extras exibidas pressionando a tela. Com ela você poderá gravar os seus jogos!



Samsung Pay e Samsung Knox
A Samsung ampliou o catálogo de países que terão o Samsung Pay E ISSO INCLUIU O BRASIL! 

Além disso, a empresa está trabalhando em parceria com a Google para melhorar a segurança dos smartphones Galaxy.

Considerações finais
Deixei para o final as semelhanças assustadoras entre a conferência da LG e da Samsung. Ambas apresentaram uma câmera portátil que filma em 360º.  Enquanto a LG apresentou uma câmera mais portátil e que pode ser facilmente carregada com a mão a Samsung optou por uma câmera fixa e um pouco maior.

Com tantas imagens em 360º talvez seja interessante ter um lugar para colocar todas essas fotos, certo? Então, as duas empresas pensaram no mesmo e fecharam parceria com o Google para colocar as suas fotos no Stree View. Mais uma coincidência.

A grande diferença entre as duas conferências foi a presença de Mark Zuckerberg, fundador e CEO do Facebook que apresentou algumas novidades em realidade virtual e prometeu mais investimentos para o futuro.

Depois de terminada a conferência fiquei com a impressão de que o Galaxy S7 mais corrigiu erros do Galaxy S6 do que, de fato, apresentou algo novo. Se a disputa pelo melhor smartphone de 2016 fosse uma corrida, com certeza, a LG sairia na frente.

Fontes: Tecmundo e Samsung