Quando os taxistas vão aceitar que perderam para o Uber? - Tecno Explore

Novidades

Home Top Ad

Post Top Ad

Microsoft

17 de fevereiro de 2016

Quando os taxistas vão aceitar que perderam para o Uber?


O acesso mais fácil a internet e a popularização dos smartphones, fizeram com que surgissem aplicativos que facilitam o nosso dia a dia. Muitos desses aplicativos acabaram por rivalizar com serviços tradicionais que já são oferecidos atualmente. 

O WhatsApp rivalizou com o serviço de sms e de voz que as operadoras de telefonia oferecem. O Netflix oferece um catálogo extenso de filmes e séries e, de certa forma, compete com as operadoras de tv por assinatura. Mas, o mais polêmico de todos é o Uber que oferece um serviço semelhante ao dos Táxis, mas muito melhor e mais barato.

De todas essas rivalidades, a que mais tem gerado repercussão é a do Uber, seja pelo ataque violento dos taxistas, ou pela regulamentação do serviço em grandes cidades como São Paulo e Rio de janeiro.

O que mais tem chocado, não só o Uber, como também os usuários do aplicativo, é a violência, moral ou até mesmo física,  feita por alguns taxistas contra o Uber.

Um dos vários protestos realizados pelos taxistas Fonte: Gizmodo Brasil
A violência chegou a tal ponto que, segundo o Estadão,alguns deles começaram a se organizar em grupos do WhatsApp para incendiar qualquer carro preto, seja do Uber ou não. E o pior: eles planejam lançar ataques velados, ou seja, furar pneus e destruir carros Uber, sem serem responsabilizados por isso. 

Uma prova de que muitos taxistas estão com os ânimos bem inflados é o vídeo polêmico do presidente do Simtaxi, sindicado dos taxistas de São Paulo, dizendo que "agora é cacete".

O que agrava ainda mais a situação é que, em nenhum momento, foi publicada uma carta de desculpas pelo ocorrido nas últimas semanas. Eles simplesmente tentaram se justificar. Lamentável.

Os ânimos estão acalorados com a nova declaração do prefeito Fernando Haddad, a Simtetaxi mostrou repúdio e o presidente Antônio Matias mandou seu recado...
Publicado por Táxi em São Paulo em Quinta, 28 de janeiro de 2016

Aceitem a tecnologia de uma vez
Que os táxis não prestam um bom serviço não é novidade. Não precisa ir muito longe para ver os comentários negativos acerca do serviço. Se o Uber fez sucesso é evidente que o que existia antes não era bom o suficiente para competir com o novo.

Todos esses casos de violência acabam por fazer uma propaganda ainda mais positiva para Uber e afasta os clientes do tradicional serviço de táxi. O que é ainda pior para eles.

Sei que existem muitos taxistas honestos que só querem ganhar o seu dinheiro para "ganhar o pão de cada dia", mas o Uber é uma nova alternativa muito mais rentável e melhor.

Estamos em 2016, e a tecnologia está cada vez mais presente na vida das pessoas. É hora de mudanças e reagir violentamente contra a chegada do Uber não vai fazer com que ele deixe de existir.

Fonte: Gizmodo Brasil